This content is not available in your region
Vlahovic, Torres e Díaz foram os "reis" do mercado de inverno
Vlahovic, Torres e Díaz foram os "reis" do mercado de inverno   -   Direitos de autor  Alessandro Garofalo/LaPresse//Alvaro Barrientos//Luca Bruno// AP

Transferências 2021/22: Juventus, Barcelona e Liverpool nos maiores negócios de inverno

As inscrições de inverno fecharam nas seis melhores ligas da Europa. A Juventus fez o melhor negócio desta janela, com Vlahovic, o Barcelona reforçou o ataque e o Liverpool garantiu o maior negócio em Inglaterra, "ajudando" o FC Porto, mas não Sérgio Conceição.

As últimas horas de inscrições foram intensas. Em Portugal, o campeão Sporting não fez grandes vendas, mas cedeu duas jovens promessas do ataque, Tiago Tomás (Estugarda) e Jovane (Lazio), que podem valer ambos a médio prazo quase €30 milhões.

Em sentido inverso, chegam a Alvalade Marcus Edwards (Vitória SC) e Islam Slimani (Lyon). O primeiro a "custar" além de dinheiro a cedência definitiva do excedentário Bruno Gaspar e o do jovem moçambicano Geny Catamo, por empréstimo.

No FC Porto, a venda de Luis Díaz foi a melhor em Portugal. Antes já tinham saído Sérgio Oliveira e Jesus Corona. No baixar do pano, os "dragões" garantiram Galeno, o maior investimento português, o central Rúben Semedo e o médio Stephen Eustáquio, ambos por empréstimo.

O Benfica limitou-se a contratar um jovem defesa brasileiro, Tiago Coser, para a equipa B e cedeu Ferro ao Hajduk Split.

De resto, o Portimonense foi o mais reforçado (sete entradas) e o Arouca o que mais limpou o plantel (sete saídas).

Em Inglaterra, sem surpresa, foi onde mais se gastou: €347,4 milhões. O mais gastador foi o "novo rico" Newcastle, mais de €100 milhões, mas a contratação mais sonante foi a de Bruno Guilmarães, do Lyon.

O grosso dos negócios, nesta segunda janela de inverno "infetada" com Covid-19, fez-se por empréstimo ou em "negócios" a custo zero, como na mudança de Aubemayong do Arsenal para o Barcelona (ou de Slimani para o Sporting). O Barça ainda recuperou Adama Traoré, do Wolverhampton, para já cedido.

As inscrições da época 2021/22 reabriram no início do novo ano e fecharam à meia noite de 31 de janeiro, nas seis melhores ligas europeias. Agora, apenas pode ainda haver saídas para ligas que ainda mantém as inscrições abertas.

Veja aqui as maiores transferências nos seis principais campeonatos europeus deste mercado de inverno, confirmadas pelo site especializado Transfermarket (atualizado às 13h00CET, de terça-feira, 01/02/2022):

PORTUGAL

Aquisições

€9 milhões, Galeno, do Sp. Braga para o FC Porto;

€7,67 milhões, do Vitória de Guimarães para o Sporting;

€1,4 milhões, Tiago Coser, da Chapecoense (Brasil) para o Benfica;

€350 mil, Rúben Semedo, do Olympiacos (Grécia) para o FC Porto *.

Vendas

€45 milhões, Luis Díaz, do FC Porto para o Liverpool (Inglaterra);

€9 milhões, Galeno, do Sp. Braga para o FC Porto;

€7,67 milhões, do Vitória de Guimarães para o Sporting;

€3,5 milhões, Chiquinho, do Estoril para o Wolverhampton (Inglaterra);

€3 milhões, Jesús "Tecatito" Corona, do FC Porto para o Sevilha (Espanha).

INGLATERRA

Aquisições

€45 milhões, Luis Díaz, do FC Porto (Portugal) para o Liverpool;

€42,1 milhões, Bruno Guimarães, do Lyon (França) para o Newcastle;

€30 milhões, Lucas Digne, do Everton para o Aston Villa;

€30 milhões, Chris Wood, do FC Burnley para o Newcastle;

€23,5 milhões, Vitaly Mykolenko, do Dinamo de Kyiv (Ucrânia) para o Everton.

Vendas

€55 milhões, Ferran Torres, do Manchester City para o Barcelona (Espanha);

€30 milhões, Lucas Digne, do Everton para o Aston Villa;

€30 milhões, Chris Wood, do FC Burnley para o Newcastle.;

€15 milhões, Dan Burn, do Brighton para o Newcastle;

€1,42 milhão, Tanguy Ndombelé, do Tottenham para o Lyon (França)*.

ALEMANHA

Aquisições

€16,36 milhões, Ricardo Pepi, do FC Dallas (EUA) para o Augsburgo;

€12 milhões, Jonas Wind, do Copenhaga (Dinamarca) para o Wolfsburgo;

€6,5 milhões, Kevin Paredes, do DC United (EUA) para o Wolfsburgo;

€5,5 milhões, Marvin Friedrich, do Union Berlin para o Bor. M'Gladbach;

€5 milhões, Max Kruse, do Union Berlim para o Wolfsburgo.

Vendas

€14 milhões, Wout Weghorst, do Wolfsburgo para o Burnely (Inglaterra);

€11 milhões, Jean-Philippe Mateta, do Mainz para o Crystal Palace (Inglaterra);

€8,6 milhões, Denis Zakaria, do B. Moenchengladbach para a Juventus (Itália);

€5,5 milhões, Marvin Friedrich, do Union Berlin para o Bor. M'Gladbach;

€5 milhões, Max Kruse, do Union Berlim para o Wolfsburgo.

ESPANHA

Aquisições

€55 milhões, Ferran Torres, do Manchester City (Inglaterra) para o Barcelona;

€5 milhões, Matías Arezo, do River Plate (Argentina) para o Granada;

€3,5 milhões, Myrto Uzuni, do Ferencvaros (Hungria) para o Granada;

€3 milhões, Reinildo Mandava, do Lille (França) para o Atlético de Madrid;

€3 milhões, Jesus Corona, do FC Porto (Portugal) para o Sevilha.

Vendas

€15 milhões, Kieran Tripier, do At. Madrid para o Newcastle (Inglaterra);

€2,70 milhões, Daniel Wass, do Valência para o Atlético de Madrid;

€200 mil, Lucas Pérez, do Elche para o Cádiz..

ITÁLIA

Aquisições

€81,6 milhões, Dusan Vlahovic, da Fiorentina para a Juventus;

€14 milhões, Arthur Cabral, do Basileia (Suíça) para a Fiorentina;

€14 milhões, Jonathan Ikoné, do Lille (França) para a Fiorentina;

€8,6 milhões, Denis Zakaria, do B. Moenchengladbach para a Juventus (Itália);

€7,5 milhões, Federico Gatti, do Frosinone para a Juventus.

Vendas

€81,6 milhões, Dusan Vlahovic, da Fiorentina para a Juventus;

€19 milhões, Rodrigo Bentancur, da Juventus para o Tottenham (Inglaterra);

€10 milhões, Dejan Kulusevski, da Juventus para o Tottenham (Inglaterra)*;

€7 milhões, Andreas Skov Olsen, do Bolonha para Club Brugge (Bélgica);

€5 milhões, Samir, da Udinese para o Watford (Inglaterra).

FRANÇA

Aquisições

€15 milhões, Romain Faivre, do Stade Brestois para o Lyon;

€11 milhões, Vanderson, do Grémio (Brasil) para o Mónaco;

€10 milhões, Jens Cajuste, do Midtjyland (Dinamarca) para o Stade Reims;

€7 milhões, Billal Brahimi, do angers para o Nice;

€7 milhões, Edon Zhegrova, do Basileia (Suíça) para o Lille.

Vendas

€42,1 milhões, Bruno Guimarães, do Lyon (França) para o Newcastle

€15 milhões, Romain Faivre, do Stade Brestois para o Lyon;

€14 milhões, Jonathan Koné, do Lille para a Fiorentina (Itália);

€7 milhões, Billal Brahimi, do angers para o Nice;

€4 milhões, Thiago Maia, do Lille para o Flamengo (Brasil);

€4 milhões, Hassane Kamara, do Nice para o Watford (Inglaterra).

* valor do empréstimo.

Outras fontes • Transfermarket