This content is not available in your region

EUA: Investigação aponta para conspiração nas presidenciais de 2020

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
EUA: Investigação aponta para conspiração nas presidenciais de 2020
Direitos de autor  Alex Brandon/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.

A comissão da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos que investiga a invasão do Capitólio de 6 de janeiro de 2020 apontou que o ex-president Donald Trump e os seus colaboradores terão agido de forma criminosa para inverter os resultados das presidenciais de 2020.

No documento das alegações, a comissão refere que Donald Trump e os seus colaboradores se envolveram numa conspiração criminosa para impedir o Congresso de comprovar a vitória de Joe Biden no colégio eleitoral, propagaram informações falsas sobre o resultado das eleições e pressionaram as autoridades a anular os resultados, em violação de múltiplas leis federais.

O documento submetido ao tribunal do estado da Califórnia acrescenta ainda que o ex-presidente e membros da sua campanha se terão envolvido numa conspiração criminosa para defraudar os Estados Unidos.