EventsEventos
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Timor-Leste prepara-se para segunda volta nas Presidenciais

Presidenciais timorenses só se decidem na segunda volta
Presidenciais timorenses só se decidem na segunda volta Direitos de autor ANTONIO DASIPARU/EPA
Direitos de autor ANTONIO DASIPARU/EPA
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

José Ramos-Horta e Francisco Guterres Lú-Olo irão discutir a segunda volta das Presidenciais timorenses a 19 de abril

PUBLICIDADE

Será necessária uma segunda volta para conhecer o próximo Presidente de Timor-Leste. A projeção sobre a contagem dos votos apurados, que está praticamente terminada, indica que nenhum dos candidatos conseguiu reunir a maioria necessária para festejar desde já a vitória.

O candidato mais votado foi o antigo Presidente, José Ramos-Horta, chefe de Estado timorense entre 2007 e 2012 e que, de acordo com as últimas projeções, alcançou cerca de 46% dos votos. Irá discutir a segunda volta com o Presidente cessante, Francisco Guterres Lú-Olo, que recolheu cerca de 22% das preferências dos timorenses.

O escrutínio decorreu sem problemas de maior, para os observadores da CPLP as eleições foram "credíveis, livres e pacíficas", já os observadores da União Europeia sublinham que o processo decorreu com normalidade e consolidou a "jovem e vibrante democracia".

A segunda volta das Presidenciais em Timor-Leste está marcada para o próximo dia 19 de abril.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ramos-Horta eleito presidente de Timor-Leste

Ramos-Horta lidera contagem nas presidenciais timorenses

Lituanos voltam às urnas para a segunda volta das eleições presidenciais