This content is not available in your region

McDonald's vai vender restaurantes na Rússia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
McDonald 's sai da Rússia
McDonald 's sai da Rússia   -   Direitos de autor  Alexander Zemlianichenko/Copyright 2022

Depois de anunciar o encerramento temporário na Rússia, o grupo McDonald's revelou que vai sair do mercado russo e iniciou um processo de venda dos seus negócios em todo o país. Numa declaração publicada pelos meios de comunicação social norte americanos, a cadeia de fast food justificou a decisão com a crise humanitária causada pela guerra na Ucrânia e com o "ambiente imprevisível". Disse ainda que o negócio na Rússia já não é "sustentável", nem é "consistente com os valores do grupo".

Segundo o diretor executivo da McDonald 's, neste momento, a prioridade é garantir que os cerca de 62 mil trabalhadores russos continuam a ser pagos até a venda estar concluída, e que depois não ficam desempregados.

A McDonald 's começou a abrir restaurantes na Rússia depois da queda da União Soviética e já contava com 850 estabelecimentos. Cerca de 84% dos restaurantes são detidos pela empresa e o resto trabalha em regime de franchising.

Segundo a empresa, as lojas que tem na Rússia e na Ucrânia geram 9% das suas receitas anuais.