Salvar o património ucraniano em 3D

Corrida contra o tempo para preservar a História ucraniana
Corrida contra o tempo para preservar a História ucraniana Direitos de autor DM/AP
Direitos de autor DM/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Especialistas correm contra o tempo para preservar a História do país

PUBLICIDADE

Nos últimos três meses, os ucranianos e o mundo têm assistido à destruição progressiva do património histórico da Ucrânia. Numa corrida contra o tempo, surgiram projetos tecnológicos para tentar guardar o melhor possível essa herança.

Emmanuel Durand é um engenheiro francês que tem vindo a ajudar especialistas locais a recolher modelos a três dimensões (3D) de edifícios em Kiev, Lviv e Kharkiv.

"Temos um scanner que regista 500 mil pontos de referência por segundo. Só neste sítio, temos cerca de 10 milhões de pontos. Depois vamos dar a volta a todo o edifício e juntar tudo no computador. É como se fossem peças de um puzzle, mas em 3D", explica Emmanuel Durand.

"Só em Kharkiv, há cerca de 500 edifícios identificados como património arquitetónico, a maioria dos quais situada no centro histórico que tem sido destruído através dos bombardeamentos", aponta a arquiteta Kateryna Kuplytska, membro da comissão que tem documentado a devastação.

Há quem venha contrapor que o importante é salvar vidas e que há uma guerra em curso. Estes especialistas preferem relembrar que, quando tudo parece perdido, é a memória coletiva que perdura.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia diz ter encontrado 152 corpos de soldados ucranianos na Azovstal

Pedalar para ajudar as vítimas da guerra na Ucrânia

Ataques russos na Ucrânia fazem pelo menos oito mortos