This content is not available in your region

Jorge Fonseca conquista prata e mulheres brilham no Grand Slam de Ulan Bator

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Jorge Fonseca e Matvey Kanikovskiy na final de -100kg.
Jorge Fonseca e Matvey Kanikovskiy na final de -100kg.   -   Direitos de autor  IJF/Di Feliciantonio Emanuele

Última jornada do Grand Slam de Judo de Ulan Bator, dia da competição dos pesos pesados em que as mulheres em prova se mostraram à altura do desafio.

Uma delas foi a nipónica campeã mundial de 2015, Mami Umeki. A competir em -78 kg, na final a judoca defrontou e venceu Inbar Lanir, de Israel, com um poderoso uchi-mata, num combate em que a experiência prevaleceu. Esta foi a nona medalha de ouro de Mami Umeki numa prova do circuito mundial da Federação Internacional de Judo (FIJ).

A judoca foi premiada pelo Membro do Parlamento da Mongólia, Damdin Tsogtbaatar.

A minha adversária na final está em boa forma. Decidi concentrar-me no controlo e no arremesso para poder vencê-la.
Mami Umeki

Em +78 kg, as esperanças da equipa da casa recaíram sobre Adiyasuren Amarksaikhan, cuja consistência lhe valeu um lugar na final frente à dinâmica Raz Hershko, de Israel. Hershko apostou em técnicas de projeção e alcançou a vitória sobre a judoca mongol no tapete.

As medalhas foram apresentadas pelo membro do parlamento da Mongólia, Badmaanyambuu Bat-Erdene.

Em qualquer competição com forte apoio do público na assistência, há mais adrenalina e mais diversão, o que nos dá força para lutar e é divertido.
Raz Hershko

A sul-coreana Hayun Kim foi a vencedora do bronze na mesma categoria, tendo marcado um ippon fenomenal que ficará para a história. Depois de vencer o Grande Prémio de Portugal no início deste ano, e de conquistar a medalha de bronze em Paris, a judoca é certamente um nome a não esquecer.

Em +100kg, Inal Tasoev prevaleceu sobre o neerlandês Roy Meyer.

Mikhail Igolnikov sagrou-se campeão em -90kg prevalecendo sobre o uzbeque Davlat Bobonov.

A seleção portuguesa

O português bicampeão mundial Jorge Fonseca conquistou a medalha de prata em -100 kg, ao perder por waza-ari frente a Matvey Kanikovskiy. Esta foi a primeira competição do judoca após ter sido afastado no primeiro combate dos Europeus de Sófia, em maio.

Em -90kg, Anri Egutidze foi afastado no combate da segunda ronda pelo neerlandês Noel Van T End, que viria a conquistar bronze.

No sábado, o judoca português João Fernando foi eliminado na primeira ronda dos -81kg, frente a Vladimir Zoloev, do Quirguistão.

Na sexta-feira a judoca Joana Diogo, a competir em -52 kg, foi a portuguesa mais bem classificada do dia, tendo alcançado o quinto lugar. Rodrigo Lopes acabou em sétimo e Francisco Mendes foi derrotado na estreia, ambos em -60 kg.

O Grand Slam de Ulan Bator, primeira prova de qualificação olímpica para Paris 2024, chegou ao fim em clima de festa e com a promessa do regresso no próximo ano.

A próxima prova do circuito mundial de judo terá lugar de 8 a 10 de julho, em Budapeste.