EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Partido Conservador vai escolher entre Rishi Sunak e Liz Truss

Conservadores britânicos
Conservadores britânicos Direitos de autor Victoria Jones/PA
Direitos de autor Victoria Jones/PA
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Partido Conservador vai escolher entre Sunak e Truss. Futuro primeiro-ministro britânico é conhecido a 5 de setembro

PUBLICIDADE

Cabe agora aos membros do Partido Conservador britânico escolher entre Rishi Sunak e Liz Truss quem será o novo líder.

A dupla chegou ao escrutínio final após a última ronda de votação dos colegas parlamentares conservadores.

"O número de votos expressos para cada candidato é o seguinte: Mordaunt, 105, Sunak 137, Truss 113", anunciou o líder parlamentar do Partido Conservador britânico, Sir Graham Brady.

Ambos já declararam a pretensão de se tornarem líderes do partido e, dado de que os Conservadores estão no governo, ocuparem o lugar de primeiro-ministro do Reino Unido.

"Ajudei este país a passar por um período incrivelmente difícil nos últimos dois anos. Certifiquei-me de apoiar aqueles que precisam da nossa ajuda em cada etapa com intervenções como a licença de trabalho. É isso que as pessoas podem esperar de mim daqui para frente," declarou o candidato a líder dos_tories_Rishi Sunak, ex- ministro das Finanças do Reino Unido.

"Eu sou a pessoa que pode entrar no número 10 (Downing Street), posso começar a correr e posso fazer as coisas acontecerem," afirmou a candidata a líder do Partido Conservador, Liz Truss, ministra dos Negócios Estrangeiros do Reino Unido

A corrida já produziu disputas partidárias amargas, mas, na realidade, ambos são de centro-direita, preferem impostos mais baixos, um estado menor e são pró Brext.

Agora cabe aos 160 mil membros do Partido Conservador decidir. O resultado será anunciado em 5 de setembro.

Por seu lado, o primeiro-ministro demissionário, Boris Johnson, fez aquela que, muito provavelmente, será a sua ultima intervenção no Parlamento, antes de deixar o poder em setembro, e terminou de forma original: 

"Sr. Speaker, eu quero agradecer a todos aqui e hasta la vista, baby."

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Cidadãos britânicos dão opinião sobre resposta de Truss

Conservadores britânicos preparam sucessão de Johnson

Eleitores britânicos vão escolher um novo governo esta quinta-feira