Ataque de drone na Crimeia

Não terá havido danos ou vítimas
Não terá havido danos ou vítimas Direitos de autor Télégram Mash_Na_Volne
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Forças russas dizem ter abatido drone sobre a sede da Frota do Mar Negro em Sevastopol, na Península da Crimeia

PUBLICIDADE

As forças russas terão derrubado um drone que sobrevoava sobre a sede da Frota do Mar Negro em Sevastopol, na Península da Crimeia.

A informação foi avançada, este sábado, pelo governador russo designado para a cidade, Mikhail Razvozhayev, numa publicação na rede social russa Telegram.

Não terá havido danos ou vítimas e Sevastopol mantém-se sob controlo de Moscovo, assegurou o governador.

Esta é a segunda vez que a sede da frota russa do Mar Negro é alvo de um ataque de drones em menos de um mês. Segundo as forças ocupantes, a 31 de julho, seis pessoas ficaram feridas quando um drone carregado com explosivos atingiu as instalações.

Entretanto, o Ministério russo da Defesa anunciou, este sábado, ter neutralizado 20 alegados "mercenários dos Estados Unidos da América" durante um ataque aéreo de alta precisão levado a cabo pelas Forças Aeroespaciais russas perto de Andriivka, na região de Kharkiv, no leste da Ucrânia.

De acordo com o Kremlin, terão morrido mais 80 combatentes ucranianos.

Em Kiev, ultimam-se os preparativos para as celebrações do Dia da Independência do país. Este ano, no dia 24 de agosto a capital ucraniana não terá as habituais paradas militares. Pelas ruas desfilará equipamento militar russo destruído.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ucrânia ganha eficácia com drones

Ucrânia nega ataque de drone em Sebastopol

Países Baixos assinam tratado de segurança com Kiev