Tempestade mortal em Itália

Várias localidades italianas ficaram isoladas
Várias localidades italianas ficaram isoladas Direitos de autor Gabriele Moroni/LaPresse via AP
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Em cerca de duas horas caiu o equivalente a um terço da média de chuva anual no país, fazendo pelo menos nove mortos e meia centena de feridos

PUBLICIDADE

Um cenário de "apocalipse". É a expressão dos italianos para o rasto de destruição deixado pelas chuvas esta sexta-feira. Durante a madrugada, e em pouco mais de duas horas, caiu o equivalente a um terço da precipitação média anual em Itália. A água varreu o centro do país, particularmente a província de Ancona e na região de Marcas.

Pelo menos nove pessoas morreram, quatro estão desaparecidas e meia centena deram entrada no hospital com ferimentos.

Depois da chuva, a enxurrada de lama e água ampliou a devastação. Várias localidades estão ainda isoladas, sem eletricidade ou ligações telefónicas.

As autoridades locais pedem a declaração do estado de emegência para que sejam desencadeados todos os meios de apoio à população e às empresas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Incêndio num dos mais antigos edifícios de Copenhaga terá destruído séculos de património cultural

Ninhada de cachorrinhos salva de incêndio na Ucrânia

Chuvas torrenciais provocam inundações em Buenos Aires e deixam milhares sem eletricidade