EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Kyrgios escapa condenação em caso de agressão contra ex-namorada

Nick Kyrgios
Nick Kyrgios Direitos de autor SAEED KHAN/AFP or licensors
Direitos de autor SAEED KHAN/AFP or licensors
De  Euronews com Lusa
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Tribunal australiano arquivou caso apesar de tenista se declarar culpado

PUBLICIDADE

O tenista australiano Nick Kyrgios declarou-se culpado da acusação de agressão conta a ex-namorada, Chiara Passari, mas escapou a uma condenação, depois do tribunal de Camberra ter ordenado, esta sexta-feira, que o caso seja arquivado.

A juíza Beth Campbell ordenou ainda que o processo não constatasse nos antecedentes criminais de Kyrgios. A magistrada afirmou que Kyrgios procedeu mal, mas que não houve premeditação e que se tratou de um "único ato estúpido" de um jovem que tentava sair de uma situação tensa.

Durante a audiência no tribunal de Camberra, o tenista de 27 anos admitiu ter empurrado, em janeiro de 2021, a então namorada durante uma discussão. 

Documentos do tribunal, citados pela emissora pública ABC, indicam que Passari tentou impedir Kyrgios de abrir uma porta de táxi, até que o atleta a empurrou e a fez cair, ferindo-lhe o ombro e o joelho.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tenista italiano Jannik Sinner vence Open da Austrália depois de derrotar o russo Daniil Medvedev

O reinado dos desportos com raquete no Catar, do ténis ao padel

Invasão de abelhas interrompeu quartos de final em Indian Wells