Rússia e Ucrânia reforçam posições em antecipação de contra-ofensiva

Sasha Vakulina, euronews
Sasha Vakulina, euronews Direitos de autor Screenshot
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Ministério da Defesa do Reino Unido afirma que a Rússia completou agora três níveis de zonas defensivas ao longo de aproximadamente 120 km no sul da Ucrânia

PUBLICIDADE

Nas últimas semanas, a Rússia continuou a desenvolver defesas na região de Zaporíjia no sul da Ucrânia, segundo o Ministério da Defesa do Reino Unido, que acrescenta que a Rússia completou agora três níveis de zonas defensivas ao longo de aproximadamente 120 km deste sector.

As defesas consistem numa linha de frente avançada com posições de combate seguida de duas zonas de defesas quase contínuas e mais complexas. Cada zona fica a cerca de 10-20km da zona seguinte.

O Instituto para o Estudo da Guerra (ISW), com sede nos EUA, diz que as forças russas construíram fortificações adicionais em torno de Vasylivka na região de Zaporíjia. 

As autoridades ucranianas acrescentam que as forças russas estão a trabalhar intensivamente criando  posições defensivas nesta região, por receio de uma contra-ofensiva ucraniana.

Segundo o Ministério britânico da Defesa, a Rússia investiu significativamente nestas obras defensivas porque está convencida de que a Ucrânia está a considerar um ataque contra a cidade de Melitopol.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Minas: um inimigo escondido

Batalhas sangrentas em Bakhmut

Ataque mortífero no leste da Ucrânia deixa rasto de destruição