EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Topo de vulcão ativo é cenário de cerimónia religiosa hindu

Cerimónia religiosa de Yadnya Kasada, indonésia
Cerimónia religiosa de Yadnya Kasada, indonésia Direitos de autor Trisnadi/Copyright 2021 The AP. All rights reserved.
Direitos de autor Trisnadi/Copyright 2021 The AP. All rights reserved.
De  Nara Madeira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Comunidade indígena hindu Tenggerese cumpre cerimónia religiosa no cume do Monte Bromo, a cratera de um vulcão indonésio, que está ativo.

PUBLICIDADE

Na segunda-feira, milhares de membros da comunidade indígena hindu Tenggerese subiram ao cume do Monte Bromo, a cratera de um vulcão indonésio, que está ativo, para cumprir uma cerimónia religiosa secular que passa por atirar, para o seu interior, oferendas. O ritual Yadnya Kasada, popularmente conhecido por Kesodo representa um agradecimento.

O evento tem as suas raízes no século XV, no folclore do império Majapahitdo, na parte oriental da ilha de Java, que se estendia pelo Sudeste Asiático.

No ano passado, e devido à pandemia de Covid-19, as autoridades não tinham permitido a entrada de turistas no local.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Indonésia: Encontrados restos mortais de mais cinco alpinistas apanhados por erupção vulcânica

Vulcão em atividade na Rússia leva autoridades a lançar alerta vermelho para aviação

Erupção do vulcão Semeru na ilha de Java