EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

China: Evergrande Group entra com pedido de falência nos EUA

Medida deve proteger a empresa dos credores dentro da jurisdição dos EUA.
Medida deve proteger a empresa dos credores dentro da jurisdição dos EUA. Direitos de autor AFPTV
Direitos de autor AFPTV
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Notícia fez soar os alarmes entre os analistas que temem que a queda da empresa possa gerar uma crise comparável à falência do Lehman Brothers, o quarto maior banco de investimento dos EUA, em 2008.

PUBLICIDADE

O Evergrande Group, a segunda maior empresa imobiliária da China, avançou com um pedido de falência nos EUA.

A gigante imobiliária apresentou um pedido de proteção dos ativos no país enquanto implementa um processo de reestruturação em outras áreas, como Hong Kong, Ilhas Caimão ou Ilhas Virgens Britânicas.

A medida deve proteger a empresa dos credores dentro da jurisdição dos EUA.

A notícia fez soar os alarmes entre os analistas que temem que a queda da empresa possa gerar uma crise comparável à falência do Lehman Brothers, o quarto maior banco de investimento dos EUA, em 2008, mas também um efeito dominó, arruinando o setor imobiliário chinês.

Estima-se que este representa 30% da economia no país e é responsável por 25% do crescimento da China.

Os problemas do Evergrande Group não são caso único.

A Country Garden, outro player-chave no mercado imobiliário chinês, corre o risco de deixar de pagar títulos no mês que vem.

A empresa reconhece "incertezas significativas" em relação ao resgate.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Preço do ouro bate recorde: 2111 dólares a onça

Bancos arrastam bolsas europeias para o vermelho

Credit Suisse cai quase 23% em bolsa