Tomada de reféns no aeroporto de Hamburgo termina com final feliz

Vaículo do invasor está estacionado no lado esquerdo do avião turco
Vaículo do invasor está estacionado no lado esquerdo do avião turco Direitos de autor Daniel Bockwoldt/dpa via AP
De  Francisco Marques
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Polícia alemã convenceu o homem que estava barricado num automóvel com a filha a entregar-se às autoridades, a criança escapou sem ferimentos

PUBLICIDADE

Chegou ao fim a tomada de reféns que paralisou o aeroporto de Hamburgo, na Alemanha, durante mais de 18 horas. A polícia alemã anunciou a detenção do homem que tinha invadido a pista com o seu automóvel e com a filha de quatro anos a bordo.

Após uma longa negociação com as autoridades, o homem acabou por se entregar sem apresentar resistência, a criança escapou sem ferimentos.

De acordo com a comunicação social alemã, o homem irrompeu pela cerca do aeroporto e parou o automóvel ao lado de um avião lotado da Turkish Airlkines. Efetuou alguns disparos para o ar e atirou duas garrafas em chamas para fora do carro, exigindo viajar com a menor para a Turquia.

A polícia estima que a criança, de quatro anos, seja filha do homem e esteja no centro de uma batalha parental pela sua custódia.

Outras fontes • DPA, Bild

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Greve na Lufthansa afeta 100 mil passageiros

Pessoal de terra da Lufthansa faz greve em cinco aeroportos da Alemanha

Greve do pessoal de segurança nos aeroportos alemães vai cancelar mais de mil voos