EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Líder da Igreja Protestante da Alemanha demitiu-se por suspeitas de encobrir abusos sexuais

Annette Kurschus demite-se
Annette Kurschus demite-se Direitos de autor Oliver Berg/AP
Direitos de autor Oliver Berg/AP
De  Patricia Tavares
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Disse não ter conhecimento dos abusos, mas anunciou a sua demissão nesta terça-feira.

PUBLICIDADE

A líder da Igreja Protestante da Alemanha demitiu-se por suspeitas de encobrir abusos sexuais.

Annette Kurschus terá sido informada, nos anos 90, das acusações de agressão feitas contra um antigo colega, mas não terá tomado qualquer atitude.

Disse não ter conhecimento dos abusos, mas anunciou a sua demissão nesta terça-feira segundo ela "para evitar que a imagem da Igreja Protestante seja manchada".

Para além da liderança da Igreja Protestante da Alemanha, Annette Kurschus demitiu-se também do cargo de presidente da Igreja Evangélica da Vestefália.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Mulheres que dizem ter sido abusadas por um jesuíta outrora famoso exigem transparência ao Vaticano

Angela Merkel faz 70 anos: qual a popularidade da antiga chanceler?

NATO lança centro de comando da Ucrânia na Alemanha