EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Sarah Fergusson, duquesa de York, diagnosticada com cancro de pele

Sarah Fergusson, de 64 anos, já tinha lutado contra um cancro da mama no verão passado
Sarah Fergusson, de 64 anos, já tinha lutado contra um cancro da mama no verão passado Direitos de autor Scott Garfitt/Invision
Direitos de autor Scott Garfitt/Invision
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Sarah Fergusson, duquesa de York e ex-mulher do Príncipe André, foi diagnosticada com um melanoma maligno, a forma mais agressiva de cancro de pele.

PUBLICIDADE

Sarah Fergusson foi diagnosticada com um melanoma maligno, a forma mais agressiva de cancro de pele, depois de lutar contra um cancro na mama no último verão.

De acordo com a imprensa britânica, a duquesa de York e ex-mulher do Príncipe André recebeu o diagnóstico recentemente após remover três sinais numa clínica onde estava a ser submetida a uma cirurgia reconstrutiva depois de uma mastectomia.

Os sinais foram para análise, por recomendação de um dermatologista, e um deles foi identificado como maligno.

O melanoma é uma forma de cancro de pele que se desenvolve nas células que dão cor à pele e que se pode espalhar rapidamente para outras partes do corpo e tornar-se mortal. A exposição ao sol é o principal fator de risco de cancro da pele.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Justiça norte-americana desclassifica documentos ligados a Jeffrey Epstein

Isabel II: O Reinado mais longo da história britânica

Herdeira da Coroa de Espanha jurou respeito pela Constituição