Ataque ucraniano em Belgorod faz cinco mortos

Edifício destruído na região de Kharkiv
Edifício destruído na região de Kharkiv Direitos de autor AP/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O ataque com mísseis segue-se a uma série de disparos russos contra vários pontos da Ucrânia.

PUBLICIDADE

Um ataque ucraniano com mísseis matou pelo menos cinco pessoas, incluindo uma criança, na cidade fronteiriça russa de Belgorod, esta quinta-feira. O ataque fez ainda pelo menos 18 feridos, incluindo cinco crianças. 

O governador da região de Kursk, Roman Starovoit, disse que um centro comercial e um estádio escolar foram atingidos pelo ataque com mísseis. O Ministério russo da Defesa disse que os sistemas de defesa aérea destruíram 14 mísseis que foram lançados pela Ucrânia usando um sistema de foguetes de lançamento múltiplo RM-70 Vampire.

Este ataque segue-se a uma série de disparos russos contra vários pontos da Ucrânia, com rockets e mísseis, durante a madrugada e ao início da manhã desta quinta-feira.

Na região de Khmelnytskyi, um rocket russo destruíu a casa de uma idosa. O ataque fez dois feridos ligeiros e causou vários danos em estruturas civis.

Cerca de dez mísseis foram disparados contra a cidade de Lviv, no oeste da Ucrânia. Vários foram intercetados pelas defesas antiaéreas. Os ataques atingiram duas escolas, um jardim de infância e vários edifícios residenciais, tendo causado apenas ferimentos ligeiros em, pelo menos, três pessoas.

Na região de Kupiansk, a aldeia de Velykyi Burluk sofreu um ataque e pelo menos duas pessoas morreram com a queda de rockets numa zona de edifícios residenciais.

A região de Kharkiv foi igualmente atingida, com um míssil a destruir um edifício de apartamentos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Russo que enfrenta deportação da Suécia receia ser chamado para a guerra

Forças ucranianas recorrem cada vez mais à rádio para obter informações dos inimigos

Rússia aborta lançamento do foguetão Angara-A5 a minutos da descolagem