EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Homem que recebeu rim de um porco teve alta hospitalar

FILE: A patient arrives at the Massachusetts General Hospita
FILE: A patient arrives at the Massachusetts General Hospita Direitos de autor AP Photo
Direitos de autor AP Photo
De  Manuel Ribeiro AP com Agências
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O hospital central de Massachusetts deu alta ao paciente de 62 anos que se tornou no primeiro humano a receber o rim de um porco geneticamente modificado.

PUBLICIDADE

Rick Slayman, de 62 anos, teve alta hospitalar depois de receber um rim de um porco geneticamente modificado. O transplante, que ocorreu a 21 de março, foi considerado como uma cirurgia de grande sucesso. O órgão do animal está a funcionar exatamente como esperado pelos médicos e a desempenhar as normais funções de um rim.

Contudo, os médicos, cautelosos, evitaram dar qualquer perspetiva. Afirmam que Slayman "está a recuperar e por isso vai para casa prosseguir com o tratamento junto da sua família".

O cirurgião responsável pelo transplante disse que a sua equipa acredita que o rim de porco vai funcionar por pelo menos dois anos, prevê Tatsuo Kawai. Se falhar, Slayman pode voltar à diálise , acrescentou Winfred Williams, outro médico especialista em rins.

A experiência marca o mais recente desenvolvimento em xenotransplante, o termo utilizado para tentar curar pacientes humanos com células, tecidos ou órgãos de animais. Durante décadas, não funcionou - o sistema imunológico humano destruía imediatamente o tecido animal estranho. Tentativas mais recentes envolveram porcos que foram modificados para que os seus órgãos sejam mais humanos - aumentando a esperança de que possam um dia ajudar a preencher a escassez de órgãos doados.

Mais de 100.000 pessoas estão na lista de espera nos EUA para um transplante, a maioria pacientes renais, e milhares morrem todos os anos antes de chegar a sua vez para receber o órgão.

Os suínos têm sido muito utilizados na medicina humana, incluindo enxertos de pele de porco e implantação de válvulas cardíacas de porco. Mas transplantar órgãos inteiros é muito mais complexo do que usar tecido altamente processado.

O rim implantado em Slayman foi fornecido pela eGenesis de Cambridge, Massachusetts. O porco foi geneticamente modificado para remover genes nocivos do porco e adicionar certos genes humanos para melhorar sua compatibilidade com o recetor.

Após tentativas de transplante de rins de porco em humanos, muitas delas experimentais em doadores com morte cerebral, esta é até ao momento a mais bem sucedida. Anteriormente, dois homens receberam transplantes cardíacos de porcos, mas ambos acabaram por morrer.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Medicina bate recorde no transplante de rim de porco para humano

Cientistas fazem rim de porco funcionar num humano

Incêndio de grandes proporções afeta empresa farmacêutica dinamarquesa Novo Nordisk