EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Orçamento aumenta tensão em Roma

Orçamento aumenta tensão em Roma
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Luigi Di Maio já ameaçou bloquear as negociações se as suas principais propostas forem rejeitadas.

PUBLICIDADE

As negociações sobre o orçamento para o próximo ano provocaram a primeira grande crise no governo italiano formado pela pela aliança entre o Movimento 5 Estrelas e a ultranacionalista Liga.

O departamento do Tesouro prevê que um défice acima de 1,9% vai colocar em risco a contenção da dívida da Itália, a maior da Europa depois da Grécia, mas o governo quer que o objetivo seja definido em torno de 2,4%.

Esta quarta-feira, o ministro da Economia tentou suavizar as preocupações da União Europeia, afirmando que Roma está a trabalhar num conjunto de políticas que mostram a todos que devem ter confiança nas finanças públicas e no crescimento económico de Itália.

Giovanni Tria tem sido pressionado a aumentar o défice do país para financiar promessas eleitorais.

O vice-primeiro-ministro, Luigi Di Maio, já ameaçou bloquear as negociações se propostas como a implementação do rendimento básico incondicional, o alívio da carga fiscal e o reforço das pensões forem rejeitadas.

Di Maio não quer perder o apoio do eleitorado, principalmente o do sul do país, onde a taxa de desemprego é muito alta e onde o Movimento 5 Estrelas conseguiu um resultado impressionante nas últimas eleições.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Elon Musk obtém apoio dos acionistas para um pacote salarial de 52 mil milhões de euros

China já reagiu a decisão de União Europeia sobre tarifas nos carros elétricos

Eleições europeias: será que a onda de extrema-direita vai pressionar o sector das energias renováveis?