EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

As gerações futuras vão poder manter uma conversa virtual com sobreviventes do Holocausto

As gerações futuras vão poder manter uma conversa virtual com sobreviventes do Holocausto
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Um projeto britânico aposta nas novas tecnologias para manter viva a memória do Holocausto.

PUBLICIDADE

Um projeto britânico aposta nas novas tecnologias para manter viva a memória do Holocausto.

Os testemunhos de dez pessoas foram filmados por câmaras 3D e graças à tecnologia de reconhecimento de voz e a uma base de dados, as gerações futuras poderão manter uma conversa virtual com pessoas como Steven Frank de 81 anos, um dos sobreviventes do delírio nazi.

“As crianças da próxima geração não terão a oportunidade de conhecer os sobreviventes do Holocausto. Nós queríamos encontrar uma solução para manter a ligação entre as crianças e os sobreviventes do Holocausto. É algo muito importante. E hoje em dia as tecnologias digitais podem ser uma solução para permitir que essas conversas possam acontecer daqui a 20, 50, ou 100 anos”, explicou Sarah Coward, diretora de Desenvolvimento do Centro Nacional do Holocausto.

O projeto dedicado à memória do Holocausto foi desenvolvido pelo Centro Nacional do Holocausto, em Nottinghamshire, na Grã-Bretanha.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Nebel im august": a história do programa de eutanásia nazi para eliminar doentes mentais e pessoas "inúteis"

"Denial": a batalha legal contra o negacionismo do Holocausto estreia no Brasil em março

Art Paris 2024: a cena artística francesa no centro das atenções, com jovens talentos em destaque