EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Retratos “excecionalmente raros” de Rembrandt rendem 13 milhões de euros em leilão

Obras foram descobertas por especialista em mestres antigos da leiloeira Christie’s.
Obras foram descobertas por especialista em mestres antigos da leiloeira Christie’s. Direitos de autor Frank Augstein/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Frank Augstein/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  Euronews com AFP
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Pinturas estavam desaparecidas desde 1824.

PUBLICIDADE

Dois retratos "excecionalmente raros" do mestre da pintura holandesa Rembrandt renderam 13 milhões de euros num leilão da Christie's.

As pinturas retratam Jan Willemsz van der Pluym, um canalizador, e a esposa Jaapgen Carels, conhecidos pessoais de Rembrandt.

Estavam desaparecidas desde 1824 e foram descobertas por Henry Pettifer, um especialista em mestres antigos da leiloeira Christie's, durante a revisão da coleção de uma família britânica durante a pandemia.

Cada pintura tem pouco menos de 20 centímetros de altura e 16 de largura.

As duas obras foram vistas pela última vez há quase dois séculos. Foram vendidas aos antepassados dos atuais proprietários num leilão em 1824.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

A Gamesummit 2024 prevê competições emocionantes, espetáculos e debates interessantes sobre jogos

"Tudo no Classic Violin Olympus é único!": uma entrevista com Pavel Vernikov

Exposição da Galeria Saatchi explora a mudança da fotografia de moda