EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Pedidos de asilo diminuíram 44% na União Europeia

Pedidos de asilo diminuíram 44% na União Europeia
Direitos de autor 
De  Isabel Marques da Silva
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Os pedidos de asilo diminuíram 44%, na União Europeia, em 2017, de acordo com o Gabinete Europeu de Apoio em matéria de Asilo. A maioria dos requerentes de asilo chegaram à Europa através das rotas do leste e do centro do mar Mediterrâneo, mas começa a notar-se um aumento na rota ocidental.

PUBLICIDADE

Os pedidos de asilo diminuíram 44%, na União Europeia, em 2017, de acordo com o Gabinete Europeu de Apoio em matéria de Asilo. A maioria dos requerentes de asilo chegou à Europa através das rotas do leste e do centro do mar Mediterrâneo, mas começa a notar-se um aumento na rota ocidental, mais próxima da Península Ibérica.

Os principais países de origem são palco de conflitos armados: Síria (15%), Iraque (7%) e Afeganistão (7%).

A Alemanha (222,560) continuou a liderar os pedidos de asilo na União Europeia, em 2017, seguida da Itália (128,850) e da França (99,330).

Mas mesmo no caso da Alemanha, o número de pedidos de asilo diminuiu 70% em relação a 2016.

Cerca de dois terços dos pedidos são de homens. Em termos de idade, 50% dos requerentes de asilo têm entre 18 e 35 anos. Um terço são crianças e jovens menores de idade.

A Europa precisa de uma solução comum para a atual crise migratória, afirmou a chanceler alemã, Angela Merkel, no sábado, no momento em que a coligação conservadora que lidera está em desacordo sobre o caminho a seguir nesta matéria.

O tema vai estar no topo da agenda da próxima cimeira da União Europeia, no final de junho, onde participam, pela primeira vez, os novos primeiros-ministros de Itália e de Espanha, dois países recentemente no centro da polémica com o navio de resgate Aquarius.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Parlamento Europeu quer reformas no sistema de asilo da UE

Falta de consenso na política de asilo alimenta divisão na UE

Maré vermelha em Madrid para receber os campeões europeus