EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Bélgica entra em quarentena parcial contra o Covid-19

Bélgica entra em quarentena parcial contra o Covid-19
Direitos de autor Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
De  Isabel Marques da Silva
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O governo interino da Bélgica determinou, quinta-feira, o encerramento, entre 16 de março e 3 de abril, dos locais de diversão cultural, desportiva e recreativa, bares e restaurantes, bem como as escolas,

PUBLICIDADE

A Bélgica adotou um novo pacote de medidas restritivas consideráveis para evitar a propagação da pandemia do coronavírus, quando o país regista mais de 550 casos e três mortos.

O governo interino determinou, quinta-feira, o encerramento, entre 16 de março e 3 de abril, dos locais de diversão cultural, desportiva e recreativa, bares e restaurantes, bem como as escolas, que é uma das áreas com maior impacto na vida familiar.

"As aulas serão suspensas. A supervisão das crianças será assegurada, pelo menos, para aquelas cujos educadores trabalham no setor dos cuidados médicos", disse Sophie Wilmes, primeira-ministra interina da Bélgica, quinta-feira, em conferência de imprensa.

As creches permanecerão abertas e desaconselha-se que as crianças fiquem ao cuidado dos avós, franja da população mais vulnerável.

Foi aconselhado que, na medida do possível, se trabalhe a partir da residência.

Ao fim-de-semana apenas os supermercados e as farmácias permanecerão abertos.

Impacto económico nos pequenos negócios

As pequenas empresas estão preocupadas com o impacto económico.

"O impacto será enorme. Antes de mais porque não sabemos se continuaremos com as entregas ao domicílio e se isso vai compensar. É a nossa única hipótese, caso haja muita gente a trabalhar a partir de casa. Não sabemos se será o suficiente para pagar as despesas porque o aluguer e os custos da eletricidade são fixos, não vai baixar", disse o empregado de um pequeno restaurante.

"Isto terá um impacto muito mau. Parece que não teremos receita nas próximas três semanas. Não sabemos se vamos receber ajuda e em que nível. Espero que recebamos uma pequena ajuda do Estado", afirmou o gerente de um café.

Dividida em três regiões com muita autonomia (Flandres, Valónia, Bruxelas-Capital), a Bélgica entrou na chamada "fase federal", em que há uma estrutura mais centralizada para gerir a crise, obrigando a maior concertação entre entidades.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Primeira-ministra da Bélgica com poderes reforçados

Europa combate covid-19

Coronavírus: Veja a diferença do número de infetados na Europa num mês