Países europeus divididos entre restrições e economia

Países europeus divididos entre restrições e economia
Direitos de autor Riccardo De Luca/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Países europeus mantêm restrições e medidas de controlo a fim de mitigarem riscos colocados por viajantes

PUBLICIDADE

As restrições às deslocações com o objetivo de gerir a pandemia permanecem em vigor na maior parte dos países europeus. 

No entanto, os detalhes sobre o que se pode e não pode fazer variam de país para país.

Na Alemanha, a questão prioritária é controlar o risco de todos quantos regressam a casa de férias no estrangeiro.

Quem entra no país seja de avião, automóvel ou comboio, independentemente da origem, tem que ser testado.

Na Córsega, os residentes locais e turistas contestam as regras mais recentes do governo francês que determinam a utilização de máscara no exterior e em espaços públicos.

"Dizemos a nós próprios que o governo está a dar-nos alguma liberdade durante o verão, para ajudar a economia, o que é bom para a hotelaria e restauração e o turismo em geral. Mais tarde, em setembro, vão-nos dizer que nos portámos mal e vamos regressar ao confinamento", desabafa "Alexandra" (nome fictício), uma residente na ilha.

Entretanto, em Roma, centenas de pessoas regressaram às ruas na terça-feira para protestarem contra o certificado digital covid-19, conhecido aqui como o passe verde, e que entra em efeito na próxima semana.

A manifestação foi organizada pelo movimento contra as restrições anti-covid.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Economia da Zona Euro cresce mais do que as previsões

Europeus preferem que governos nacionais façam gestão de fundos da UE

Passageiros denunciam falhas de coordenação com certificados digitais