À descoberta do Azerbaijão: dos vulcões de lama às águas termais

À descoberta do Azerbaijão: dos vulcões de lama às águas termais
Direitos de autor  euronews
This content is not available in your region
De  Monica Pinna  & Euronews

O setor do bem-estar no Azerbaijão está relacionado com aventura e diversão. Neste episódio, fomos à descoberta de algumas das paisagens locais mais peculiares e inesperadas do país. Do deserto aos bosques verdejantes, experienciámos o calor e o frio, a lama e a água.

No parque nacional de Gobustan, estivemos rodeados por vulcões de lama, a apenas uma hora de carro da capital, Baku.

O Azerbaijão alberga a maior concentração de vulcões de lama, com mais de 300 espalhados por todo o país. Alguns estão reunidos aqui, nesta paisagem pós-apocalíptica.

Sabina Kazimova, geóloga, explicou, em entrevista à Euronews que no Azerbaijão é possível encontrar todo o tipo de vulcões de lama. 

"Eles podem estar ativos, adormecidos, ser subterrâneos, subaquáticos, insulares ou libertararem de forma ativa hidrocarbonetos", referiu a especialista.

Quando um vulcão de lama entra em erupção, liberta gases. 80% corresponde a metano, mas há também libertação dióxido de carbono, hidrogénio e nitrogénio.

A experiência de entrar num vulcão de lama

Os vulcões de lama fornecem informações preciosas sobre os processos que ocorrem no subsolo. Os geólogos usam-nos como plataformas exploratórias. A profundidade do vulcão de lama varia entre 10 e 15 quilómetros e a lama vulcânica contém mais de 90 minerais.

"Há um grande número de substâncias orgânicas, sais minerais e elementos químicos", explicou a geóloga.

Euronews
Monica Pinna, jornalista Euronews.Euronews

De Gobustan para a floresta de Masalli

De Gobustan, dirigimo-nos para o sul subtropical do Azerbaijão. O nosso próximo destino é a verdejante floresta de Masalli.

"Isti-su" significa literalmente "água quente". Toda esta região está repleta de nascentes de água termais (nascentes de água quente). Neste episódio, também fizemos uma pequena caminhada com o proprietário de uma terma local para descobrir as paisagens e experienciar a «Isti-su», o mais próximo possível da natureza.

Euronews
Nascente de água termal.Euronews

"Esta água contém potássio, cálcio, iodo, bromo e outros elementos. É utilizada para tratamento. Pode ajudar a diminuir a tensão abdominal, fortalecer os ossos, tratar articulações, rins, e curar queimaduras", explicou o proprietário da nascente local.