Vídeo

euronews_icons_loading
Imagem aérea de base na Crimeia onde ocorreram as explosões