Crimeia: Lavrov diz que Moscovo quer reforçar diálogo

Crimeia: Lavrov diz que Moscovo quer reforçar diálogo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
PUBLICIDADE

O ministro dos Negócios Estrangeiros russo diz que Moscovo quer “reforçar o diálogo” sobre a crise na Crimeia.

Serguei Lavrov reuniu-se, hoje, com o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, em Londres. Em conferência de imprensa anunciou que “Vladimir Putin deseja um diálogo direto com os ucranianos.”

Lavrov reconhece que existem divergências com o ocidente sobre o que se passa na Ucrânia. Uma crise que afirma “não foi provocada pela Rússia.”

O chefe da diplomacia russo diz que Moscovo vai respeitar o resultado do referendo na Crimeia e lamenta que não estejam a ser tomadas “as medidas necessárias para restaurar a ordem na Ucrânia.”

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Kerry: "Moscovo vai ter de assumir as consequências das suas ações"

Mãe de Navalny já viu o corpo do filho e diz estar a ser pressionada para aceitar funeral "secreto"

Rússia proíbe atividade da Rádio Europa Livre/Rádio Liberdade