Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

A "selfie-mania" invade Meca

A "selfie-mania" invade  Meca
Tamanho do texto Aa Aa

Durante a peregrinação, desta que é a maior celebração do calendário islâmico, a Hajj, a tendência do autoretrato – fenómeno que invadiu as redes sociais – instalou-se também entre os muçulmanos em Meca.

Um crescente número de muçulmanos no Hajj publicam diariamente as suas fotografias na perspectiva de partilhar com amigos e familiares os momentos da peregrinação.

Esta prática, que inclui o envio de imagens em torno da Kaaba em Meca, um dos locais mais sagrados do Islão, estará a perturbar os clérigos.

O clérigo saudita Al-Hakeem denuncia : “Ao difundirem esses autoretratos e vídeos estão a desafiar o desejo do nosso profeta”.

Um analista, Al-Hakeem disse à Arabya News: “Fotografias sem uma razão legítima é uma questão de disputa entre os estudiosos. No entanto, apesar dessa diferença de opinião, não deve haver qualquer controvérsia quando se trata do verdadeiro significado do Haj e da essência por trás dele.