Hungria: Protestos contra video de campanha de alerta à violação

Hungria: Protestos contra video de campanha de alerta à violação
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
PUBLICIDADE

Centenas de pessoas, entre as quais muitas jovens, sairam à rua em Budapeste, para protestarem contra uma campanha de alerta à violação, lançada pela polícia.

Mesmo com baixas temperaturas, as jovens ousaram roupas ligeiras e sexys para pedirem a não divulgação de um vídeo produzido pela polícia que, dizem, transmite a mensagem de que o comportamento das mulheres pode justificar a violação.

“Muitas mulheres violadas têm receio de chamar a polícia ou de apresentar queixa porque, de acordo com este tipo de videos, pensam que podem ser consideradas culpadas. Mas não é verdade”, diz uma jovem.

O vídeo está no centro da polémica porque foi produzido para ser exibido numa campanha de alerta em escolas secundárias no sul da Hungria.

“Os participantes no protesto pedem que o vídeo não seja utilizado, mas a polícia diz que não é possível e alega que a mensagem não pode ser mal interpretada”, conta o nosso correspondente em Budapeste, Attila Magyar.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Hungria recusa prisão domiciliária para ativista antifascista italiana

Novo inimigo político de Orbán divulga alegadas provas de corrupção

Hungria começa a aplicar nova lei sobre imigração e aperta regras para autorizações de residência