EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Kiev começou a retirar os civis de Debaltseve

Kiev começou a retirar os civis de Debaltseve
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

As vítimas da batalha feroz entre rebeldes e militares ucranianos pelo controle da cidade estratégica de Debaltseve no leste da Ucrânia, continuam a

PUBLICIDADE

As vítimas da batalha feroz entre rebeldes e militares ucranianos pelo controle da cidade estratégica de Debaltseve no leste da Ucrânia, continuam a aumentar.

Debaixo de um fogo cruzado os cerca de 20 mil habitantes estão a ser retirados da zona de combate com o apoio de voluntários.

Debaltseve, um centro ferroviário que fica entre as duas principais cidades controladas pelos rebeldes, Donetsk e Luhansk, tem sido palco de combates intensivos desde 22 de janeiro.

As operações estão a ser conduzidas a partir de Kiev com a intervenção direta do primeiro-ministro.

“Ontem à noite instruímos o Serviço de Emergência para retirar imediatamente as pessoas de Debaltseve. Há agora um total de seis autocarros envolvidos nesta operação. Eles estão onstantemente sob fogo. Quando eles vêem que estamos retirar civis eles começam a disparar.”

Movimento inverso de Kiev para para a zona de combates. Centenas de soldados estão a ser enviados para a linha da frente, pensa-se que as forças ucranianas estarão a preparar a defensiva para evitar que a cidade caia nas mãos dos separatistas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ucrânia: negociações de Minsk fracassam

Pelo menos seis feridos em ataque aéreo russo a zona residencial de Kostiantynivka

Pelo menos seis feridos após ataque aéreo russo em zona residencial de Kharkiv