A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Separatistas intensificam ataques estratégicos antes da trégua

Separatistas intensificam ataques estratégicos antes da trégua
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os cidadãos de Donetsk ainda não viram o resultado do cessar- fogo acordado em Minsk.

Estou preocupado pelo que vimos esta manhã, a continuação das hostilidades.

Esta manhã, dois mísseis cairam num bairro residencial destruindo vários apartamentos e um hospital causando a morte de uma enfermeira.

O cessar-fogo deverá ser efetivo a partir das zeros horas de domingo mas entretanto cresce a preocupação entre os membros da OSCE face à continuação da violência.

“Estou preocupado pelo que vimos esta manhã, a continuação das hostilidades. Realmente esperamos que essas hostilidades acabem dentro do prazo que foi definido em Minsk.”

Os combates são particularmente intenso em Debaltsev, cujo nó ferroviária é tido como estratégico para os separatistas.

“Não devemos atribuir Debaltsev a nehum dos lados. Devemos ter a certeza de que a luta pára e que as armas pesadas serão retiradas. Temos de trabalhar para isso e para a libertação dos prisioneiros. Este será o movimento concreto para inverter a escalada da violência”.

A Alemanha tinha pedido a Putin para pressionar os rebeldes a concordarem com um cessar-fogo, imediato mas os separatistas exigiram mais tempo.

Os soldados ucranianos estão cercados em Debaltseve, os rebeldes querem recuperar a cidade que até domingo.