Alemanha: Xenófobos do PEGIDA recebem "bênção" de Geert Wilders

Alemanha: Xenófobos do PEGIDA recebem "bênção" de Geert Wilders
De  Fernando Peneda com EFE
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Em Dresden o movimento xenófobo alemão PEGIDA recebeu o apoio do líder populista holandês Geert Wilders, que denunciou a “islamização da sociedade”

PUBLICIDADE

Em Dresden o movimento xenófobo alemão PEGIDA recebeu o apoio do líder populista holandês Geert Wilders, que denunciou a “islamização da sociedade” perante uma concentração de cerca de 10 mil pessoas, muito abaixo das 30 mil que estavam previstas pela organização.

Com o seu discurso, o líder do Partido para a Liberdade foi a estrela do evento.

“Vocês estão aqui comigo porque somos PEGIDA – Patriotas Europeus contra a Islamização do Ocidente. Somos o povo.
Aos meus olhos, vocês são heróis”, disse Wilders.

Mais de mil manifestantes saíram à rua para afirmar o seu desagrado contra o PEGIDA e a presença de Wilders na cidade, que também suscitou críticas generalizadas da classe política local e nacional.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Centro de Colónia parcialmente evacuado devido a bomba da II Guerra Mundial

Pelo menos cinco mortos em acidente de autocarro na Alemanha

Robert Habeck, vice-chanceler da Alemanha: A Europa deve afirmar-se e ser capaz de defender-se