Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Iémen: ONU pede prolongamento da trégua humanitária

Iémen: ONU pede prolongamento da trégua humanitária
Tamanho do texto Aa Aa

Em Riade durante um encontro destinado a debater a crise no Iémen, o emissário da ONU apelou ao prolongamento das tréguas humanitárias por mais cinco dias.

O cessar-fogo temporário terminou às 23:00 locais de domingo.

Ismail Uld Sheikh Ahmed, falando em nome do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, sublinhou que a trégua não permitiu encaminhar suficiente ajuda humanitária para as zonas afetadas pelo conflito.

No encontro estiveram presentes o presidente iemenita no exílio, Abed Rabbo Mansur Hadi e representantes das fações iemenitas, mas não os rebeldes xiitas ‘huthis’.

Ao mesmo tempo que o representante das Nações Unidas fazia o apelo, decorriam violentos combates entre os rebeldes xiitas e as forças pró-governamentais, que causaram mais vítimas civis no sul do Iémen.

Segundo a ONU, mais de 1.500 pessoas foram mortas desde o início da campanha aérea liderada pela Arábia saudita, em consequência dos bombardeamentos ou de confrontos entre as forças no terreno.

A situação humanitária no Iémen é considerada como “catastrófica” pelas Nações Unidas e por várias organizações não-governamentais.