EUA: Violação de dados pode ter atingido mais de 20 milhões de cidadãos

EUA: Violação de dados pode ter atingido mais de 20 milhões de cidadãos
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os Estados Unidos admitem que a violação de dados do Departamento de Gestão de Pessoal, por “hackers”, pode envolver, muito provavelmente, mais

PUBLICIDADE

Os Estados Unidos admitem que a violação de dados do Departamento de Gestão de Pessoal, por “hackers”, pode envolver, muito provavelmente, mais pessoas do que o estimado.

Segundo esta entidade mais de 20 milhões de pessoas podem ter sido visadas neste caso, ou seja 7% da população, longe dos 4 milhões estimados inicialmente.

Os dados roubados, da rede de computadores desta entidade governamental, retirados de um questionário de 120 páginas, podem incluir números de segurança social, habilitações literárias, historial financeiro e criminal e outras informações pessoais.

A situação remonta ao ano passado, Washington acredita que a China esteja por trás deste ato de pirataria informática. Pequim classifica de “absurda” a acusação.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Mike Pence: "A maioria dos norte-americanos acredita no nosso papel de líderes do mundo livre"

Homem imolou-se no exterior do tribunal onde Donald Trump está a ser julgado

Agentes da autoridade mortos a tiro no Estado de Nova Iorque