EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Explosões na China: Balanço de mortos sobe para 85 e mais de 720 feridos

Explosões na China: Balanço de mortos sobe para 85 e mais de 720 feridos
Direitos de autor 
De  Francisco Marques com XINHUAN
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Autoridades chinesas enviaram para o local do incidente especialistas militares em armas nucleares e químicas. O dono do armazém suspeito foi detido.

PUBLICIDADE

Subiu para 85 o balanço de mortos das duas enormes explosões que na quarta-feira arrasaram parte da cidade da Tianjin, a sudeste de Pequim, no norte da China. A mais recente atualização oficial de vítimas regista ainda 721 feridos, incluindo 25 em situação crítica e 33 em estado grave.

Um aviso de última hora foi emitido pelas autoridades chinesas: todas as pessoas num perímetro de 3 quilómetros do local das explosões no porto de contentores de Tianjin devem evacuar a zona. > BREKAING: All people within 3-km radius are required to evacuate from #Tianjin blasts site pic.twitter.com/9QG9c39ycu

— China Xinhua News (XHNews) <a href="https://twitter.com/XHNews/status/632429070106554368">15 agosto 2015</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <p>Pelo menos 21 dos mortos confirmados são bombeiros. Depois do primeiro rebentamento, os bombeiros foram apanhados desprevenidos pela segunda explosão. As baixas são graves", afirmou Zhou Tian, o chefe dos bombeiros de Tianjin.</p> <blockquote class="twitter-tweet" lang="pt" align="center"><p lang="en" dir="ltr">Death toll rises to 85 from <a href="https://twitter.com/hashtag/Tianjin?src=hash">#Tianjin</a> blasts, including 21 <a href="https://twitter.com/hashtag/firemen?src=hash">#firemen</a>; 721 hospitalized <a href="http://t.co/LyiTrHtIEF">http://t.co/LyiTrHtIEF</a> <a href="http://t.co/wX2AS1u42y">pic.twitter.com/wX2AS1u42y</a></p>&mdash; China Xinhua News (XHNews) 15 agosto 2015

As autoridades chinesas já enviaram para o local da tragédia uma equipa de 217 especialistas em materiais nucleares e bioquímicos ligados ao exército chinês. Após as primeiras análises, os indicadores de gases tóxicos mostram-se dentro dos parâmetros normais e a qualidade do ar é boa.

Ainda são desconhecidas as causas das duas explosões, que provocaram danos colossais na zona do porto de Tianjin. A primeira terá tido um impacto similar a 3 toneladas de TNT e a segunda teve uma magnitude equivalente à detonação de 21 toneladas do mesmo explosivo.

O proprietário do armazém onde ocorreram as explosões foi detido. Alguns meios de comunicação chineses questionam se a empresa teria licença para trabalhar com produtos químicos perigosos.

Damaged cars explose again at #Tianjin blasts site pic.twitter.com/Nf87vkvhJu

— China Xinhua News (XHNews) <a href="https://twitter.com/XHNews/status/632421310363074560">15 agosto 2015</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <p>Na conferência de imprensa realizada sexta-feira, as autoridades revelaram não conseguir ainda, à altura, identificar os materiais químicos que estariam armazenados no armazém onde deflagrou uma das explosões. Os "estragos nos escritórios" da empresa, "grandes discrepâncias" nos relatórios da respetiva administração e os "registos alfandegários" são os principais obstáculos na investigação dos químicos suspeitos, adianta a agência chinesa Xinhuan.</p> <p>Um dos bombeiros que participou no combate ao incêndio inicial declarou que as equipas não foram alertadas para o perigo de produtos químicos no armazém poderem explodir ao contacto com a água.</p> <p>Mais de 1000 bombeiros e 140 meios de combate a incêndios foram mobilizados para o local. Um bombeiro de apenas 19 anos foi resgatado com vida mais de 30 horas após o incidente, foi internado e está em situação estável. </p> <p>O incêndio provocado pelas explosões já foi extinto, mas há relatos de que alguns dos carros atingidos pelas detonações de quarta-feira estejam a agora a explodir a espaços na zona.</p> <blockquote class="twitter-tweet" lang="pt" align="center"><p lang="en" dir="ltr">Damaged cars explose again at <a href="https://twitter.com/hashtag/Tianjin?src=hash">#Tianjin</a> blasts site <a href="http://t.co/Nf87vkvhJu">pic.twitter.com/Nf87vkvhJu</a></p>&mdash; China Xinhua News (XHNews) 15 agosto 2015

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Comprar peças originais sem ir à falência: bem-vindos à feira de arte acessível de Hong Kong

Putin enaltece comércio bilateral no último dia da sua visita à China

Xi Jinping promete a Putin continuar a consolidar "amizade de boa vizinhança"