Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Papa insta Cuba e EUA a continuarem na via da reconciliação

Papa insta Cuba e EUA a continuarem na via da reconciliação
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

As relações entre Havana e Washington marcaram o início da visita do Papa Francisco a Cuba.

O líder da Igreja Católica iniciou este sábado a viagem mais larga do seu pontificado, que o levará aos Estados Unidos depois da etapa cubana.

Depois de ser recebido pelo presidente Raul Castro, o Papa apelou a Cuba e aos Estados Unidos para darem continuidade ao processo de normalização de relações, iniciado com o anúncio histórico feito a 17 de dezembro do ano passado:

“Apelo a todos os líderes políticos para que persistam neste caminho e desenvolvam todas as suas potencialidades, como prova do importante serviço que são chamados a executar, em nome da paz e do bem-estar dos seus povos, de toda a América, e como um exemplo de reconciliação para todo o mundo.”

Da agenda do Papa não faz parte qualquer encontro com representantes da dissidência cubana, mas segundo o porta-voz do Vaticano, poderá abordar o tema com as autoridades do país.

Também de acordo com o Vaticano, o Sumo Pontífice foi recebido nas ruas de Havana por 100.000 cubanos.