EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

"El Chapo": Novo vídeo mostra impassividade dos guardas durante a fuga

"El Chapo": Novo vídeo mostra impassividade dos guardas durante a fuga
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Um novo vídeo da fuga de Joaquin “El Chapo” Guzman mostra que os guardas prisionais ficaram impassíveis, ignorando os sinais de que o líder de um dos

PUBLICIDADE

Um novo vídeo da fuga de Joaquin “El Chapo” Guzman mostra que os guardas prisionais ficaram impassíveis, ignorando os sinais de que o líder de um dos maiores cartéis de droga do mundo estaria a fugir.

As imagens que retratam momentos antes e após a fuga, divulgadas por uma televisão mexicana, mostram a cela do traficante, as imagens da sala de controlo central da prisão naquela noite, com som.

É possível ouvir o ruído de martelos e ver que os funcionários da prisão não reagiram, durante todo o processo da fuga, revelando que poderiam ser coniventes.

O novo vídeo coloca em causa a investigação policial, como acusa o senador do Partido da Revolução Democrática, Alejandro Encinas. “As autoridades mentiram e esconderam informações. Isso mostra que, até agora, toda a investigação foi construída sobre ficção. É óbvio que todos os trabalhadores e oficiais que estavam lá, naquele momento, colaboraram e são responsáveis”, conclui.

“El Chapo” conseguiu evadir-se depois de fazer um buraco no chão da cela e através de um túnel, com mais de um quilómetro de extensão, que terá sido escavado por cúmplices que compraram terrenos junto ao estabelecimento prisional.

Até ao momento mais de 30 pessoas foram presas, incluindo altos funcionários da prisão.

Joaquin “El Chapo” Guzman foi detido em 2014, depois de 13 anos a monte, após de ter fugido de uma prisão de alta segurança em 2001.

“El Chapo” continua a monte.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

As "quinceañeras" das prisões mexicanas

Estão os cartéis mexicanos de droga a usar armas da Ucrânia?

Caça ao homem em França depois de emboscada a carrinha celular que matou dois guardas prisionais