EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Rússia: autoridades começam a analisar caixa negra de avião abatido por míssil turco

Rússia: autoridades começam a analisar caixa negra de avião abatido por míssil turco
Direitos de autor 
De  Luis Guita
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Autoridades russas começaram hoje a analisar a caixa negra do avião russo que a 24 de novembro foi abatido por um míssil turco. Os resultados devem

PUBLICIDADE

Autoridades russas começaram hoje a analisar a caixa negra do avião russo que a 24 de novembro foi abatido por um míssil turco.

Os resultados devem ser apresentados na próxima segunda-feira.

O bombardeiro russo foi derrubado sobre a Síria, por um míssil disparado a partir de um caça F-16 turco, em resposta a uma suposta violação do espaço aéreo turco.

As autoridades de defesa russas e sírias afirmam que o avião russo nunca entrou no espaço aéreo turco.

Na conferência de imprensa de ontem, o presidente da Federação Russa disse que “alguém da administração turca” tinha decidido “lamber os americanos numa determinada parte”, e que Ancara deve a Moscovo um “pedido de desculpas”.

Putin acrescentou que não vê qualquer perspetiva para relançar as relações com a Turquia, e que o fundador da República, Mustafa Kemal Ataturk, devia estar a “dar voltas no túmulo” ao ver a “islamização” da Turquia moderna.

O avião foi abatido numa região conhecida como Montanhas Turcomanas. Ancara acusa Moscovo de bombardear o território sírio onde se encontram Turcomanos, sírios de descendência turca.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Vladimir Putin diz que Turquia decidiu "lamber anatomia americana"

Pelo menos cinco mortos após bombardeamentos russos nas regiões de Donetsk e Kherson

Zelenskyy assina acordo em Bruxelas antes de viajar para Lisboa esta terça-feira