EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Síria: Governo de al-Assad diz ter tomado província estratégica de Deraa

Síria: Governo de al-Assad diz ter tomado província estratégica de Deraa
Direitos de autor 
De  Euronews com Reuters
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As tropas de Bachar al-Assad afirmam ter tomado a localidade de Sheikh Maskin na província de Deraa, sul da Síria, esta quarta-feira.

PUBLICIDADE

As tropas de Bachar al-Assad afirmam ter tomado a localidade de Sheikh Maskin na província de Deraa, sul da Síria, esta quarta-feira.

Damasco diz que a operação foi apoiada pela mais importante intervenção militar russa de sempre na região.

Os rebeldes, por seu lado confirmaram esta quarta-feira ter sofrido pelo menos 100 ataques da aviação militar nos últimos dois dias.

Entretanto, chegaram aos arredores de Damasco, a capital síria cuja região continua controlada pelas tropas de al-Assad, um grupo de chiitas oriundos da provincia de Idlib, noroeste do país, depois de um acordo entre rebeldes e Damasco sob a égide das Nações Unidas

A província de Deraa, na fronteira com a Jordânia, constitui um dos últimos redutos da oposição anti-al-Assad, que tem vindo a sofrer com a expansão dos grupos islamistas radicais sunitas, como o autoproclamado Estado Islamico (EI) e a al-Nosra, a filial síria da al-Qaeda.

Ataques russos teriam morto mais de 2 mil civis (OSDH)

O Obervatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH) diz que os ataques aéreos levados a cabo por forças militares russas na Síria causaram a morte a 2.731 mortos, dos quais um terço seriam civis.

O OSDH diz ainda que os ataques resultaram na morte de 655 membros do autoproclamado Estado Islâmico (EI) ou Daesh, pela sigla em língua árabe.

A intervenção militar russa em território sírio começou no passado mês de outubro.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Israel ataca unidade de defesa aérea no sul da Síria com mísseis

Embaixador iraniano na Síria promete retaliação após alegado ataque israelita destruir consulado

Ataque israelita destrói consulado iraniano em Damasco e mata alta patente militar