Embaixador sueco chamado de urgência ao Ministério dos Negócios Estrangeiros em Israel

Embaixador sueco chamado de urgência ao Ministério dos Negócios Estrangeiros em Israel
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

São cada vez mais tensas as relações entre a Suécia e Israel: o embaixador escandinavo foi chamado de urgência ao Ministério dos Negócios

PUBLICIDADE

São cada vez mais tensas as relações entre a Suécia e Israel: o embaixador escandinavo foi chamado de urgência ao Ministério dos Negócios Estrangeiros de Telavive, depois da responsável pelos assuntos externos suecos ter pedido, esta terça-feira, que fossem investigadas as mortes de palestinianos, atribuidas pelo exército de Israel.

Num discurso no parlamento, a ministra Wallström, que falava em relação execução de 100 palestinianos nos últimos dois meses, garantia que a “esta atuação pode ser exagerada e até ilegal, por isso deve ser investigada. E estes casos também têm sido denunciados por organizações de defesa dos Direitos Humanos e especialistas em Direito Internacional. Por isso é fundamental que existam investigações credíveis”.

Recorde-se que as relações entre Estocolmo e Telavive já tinham sido foram abaladas pelo reconhecimento do Estado Palestiniano pelo governo sueco no final de 2014. As autoridades israelitas acusam a Suécia de ter muitos preconceitos contra Israel.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Israel ataca alvos na Síria

Tribunal sueco dá razão à Tesla em processo contra o Estado

Guerra entre Israel e Hamas domina agenda no Conselho Nórdico