EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Hollywood promete diversidade

Hollywood promete diversidade
Direitos de autor 
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Decisão da academia segue-se à polémica sobre a composição das listas de nomeados para os Óscares de interpretação deste ano.

PUBLICIDADE

A Academia de Hollywood prometeu promover a diversidade entre os membros e duplicar o número de mulheres e representantes das ditas minorias étnicas até 2020. Isto vem no seguimento às críticas sobre o facto de todos os nomeados para os Óscares de ator e atriz deste ano serem brancos (#OscarssoWhite), o que levou Will Smith e Spike Lee a boicotarem a cerimónia.

Em resposta, Michael Caine disse não se pode votar num ator só porque é negro e Charlotte Rampling, nomeada para o Óscar de melhor atriz, classificou o boicote como racismo contra os brancos, declarações que causaram alguma polémica, em ambos os casos.

Michael Caine on #OscarsSoWhite: Black actors should 'be patient.' https://t.co/iFgBQDLn34pic.twitter.com/Kp6VloBk3r

— Mashable (@mashable) January 22, 2016

Charlotte Rampling exemplifies the deep & dangerous ignorance of unexamined white privilege & the false utopia it assumes to protect itself.

— deray mckesson (@deray) January 22, 2016

Charlotte Rampling: I regret that Oscars racism comment was 'misinterpreted' https://t.co/fbvmtrjN1r

— The Guardian (@guardian) January 23, 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Urso de Ouro para a franco-senegalesa Mati Diop

"Oppenheimer" lidera corrida aos Óscares com 13 nomeações

Wim Wenders recebe Prémio Lumière 2023: "O cinema vai sobreviver"