Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Austrália: Um morto e dois feridos seguidos de suicídio em Sidney

Austrália: Um morto e dois feridos seguidos de suicídio em Sidney
Tamanho do texto Aa Aa

Duas pessoas morreram e duas outras ficaram feridas depois de um homem armado ter feito reféns numa fábrica nos arredores de Sidney, em Ingleburn,na Austrália.

O cerco, com negociadores e equipa de resposta táctica policiais, durou cerca de seis horas. Três pessoas que se encontravam escondidas no interior da fábrica saíram ilesas.

Um dos mortos é o homem armado, de 33 anos, que se suicidou depois de ter baleado duas pessoas, entretanto hospitalizadas, e de ter matado uma outra, um australiano de 43 anos.

A identidade do atirador não foi ainda revelada e a hipótese de se tratar de um atentado islâmico foi afastada, parecendo tratar-se de um diferendo de negócios.

Em dezembro de 2014, um sequestro feito por um autoproclamado clérigo iraniano, num café no centro financeiro de Sydney, resultou na morte do sequestrador e de duas vítimas após intervenção policial.