Última hora
This content is not available in your region

Dezasseis vítimas mortais em ataque terrorista na Costa do Marfim

Access to the comments Comentários
De  Nara Madeira com AFP, APTN, Reuters
euronews_icons_loading
Dezasseis vítimas mortais em ataque terrorista na Costa do Marfim
Tamanho do texto Aa Aa

O ataque terrorista, na Costa do Marfim, o primeiro do género no país, fez 16 vítimas, 14 civis e dois militares. Há pelo menos quatro estrangeiros entre os mortos. As autoridades policiais e militares do país mataram seis dos atacantes que chegaram armados a uma praia da estância balnear Grand-Bassam, destino popular de turistas e população local, e começaram a disparar indiscriminadamente. O ataque foi reivindicado pela Al-Qaeda no Magrebe islâmico.

O presidente do país deslocou-se ao local:

“Estes ataques terroristas cobardes não vão ser tolerados na Costa do Marfim e tomámos todas as medidas importantes. O ataque foi controlado, em três ou quatro horas, graças às nossas forças de defesa e segurança que gostaria de felicitar”, afirmou Allassane Ouattara.

Grand-Bassam é a antiga capital, localizada a cerca de 40 quilómetros da maior cidade Abidjan e classificada como Património Mundial pela Unesco.

Os ministros dos Negócios Estrangeiros e do Interior franceses deslocam-se, na próxima terça-feira, ao país para expressar solidariedade depois de uma tragédia que matou pelo menos um francês.