EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

PMDB sai do governo de Dilma: "impeachment" cada vez mais perto

PMDB sai do governo de Dilma: "impeachment" cada vez mais perto
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) aprovou a moção de abandono do governo de Dilma Rousseff em reunião de direção nacional, com

PUBLICIDADE

O Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) aprovou a moção de abandono do governo de Dilma Rousseff em reunião de direção nacional, com mais de 100 membros presentes.

PMDB decide por unanimidade entregar todos os cargos federais https://t.co/6Nlz13GC2T

— PMDB Nacional (@PMDB_Nacional) 29 mars 2016

A saída do maior parceiro de coligação do governo de Rousseff deixa a primeira presidente mulher do Brasil cada vez mais isolada no processo de destituição que enfrenta, com data de primeira votação a meio de Abril.

Rousseff precisa do apoio de um terço da Câmara de Deputados para afastar o “impeachment”, o PMDB tem a maior bancada parlamentar e lidera o Senado.
A retirada do governo do PMDB, e de seis dos seus ministros,aumenta em muito a possibilidade do Senado a destituir nos próximos meses, sentando o atual vice-Presidente e líder do PMDB, Michel Temer, no lugar presidencial.

O pedido de destituição baseia-se em alegadas violações das leis orçamentais. O pedido ganhou força com a maior recessão desde há décadas no Brasil e um escândalo vasto de corrupção que atingiu a Presidente e o seu núcleo duro.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Brasil: foram chamados para salvar crianças, mas acabaram numa operação de "salvamento" de armas

Cheias no Brasil deixam mais de 100 mortos e milhares de desalojados

Chuvas fortes no sul do Brasil fazem pelo menos 75 mortos e mais de 100 desaparecidos