EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Coreia do Sul lembra as 304 vítimas do Sewol

Coreia do Sul lembra as 304 vítimas do Sewol
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Coreia do Sul marca segundo aniversário do desastre de ferry que matou 304 pessoas. A balsa Sewol de 6.825 toneladas afundou-se ao largo da costa

PUBLICIDADE

A Coreia do Sul marca segundo aniversário do desastre de ferry que matou 304 pessoas.

A balsa Sewol de 6.825 toneladas afundou-se ao largo da costa sudoeste provocando uma das maiores tragédias do país neste tipo de acidente em que a maioria das vítimas era estudantes de uma única escola em Ansan.

Os familiares das vítimas mostram-se ainda indignados com o facto de que os funcionários de nível superior não terem sido responsabilizados, e têm apelado para uma investigação que permita trazer a verdade.

Jeon Myung-sol, pai de uma das vítimas e representante das famílias exige a justiça. “Nós queremos superar esse dia. Para sermos capazes de voltar às nossas vidas e para que as pessoas que são responsáveis ​​pelo acidente assumam a sua parte de culpa e para que nós pais possamos também saber a razão pela qual os nossos filhos morreram”.

O Supremo Tribunal confirmou em novembro do ano passado uma sentença de prisão perpétua para o capitão do ferry por “negligência grosseira”, porque ter abandonado o navio, sem dar ordem de evacuação.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Terraço do edifício que ruiu em Palma de Maiorca era ilegal

Mais de 2000 dados como mortos após deslizamento de terras na Papua-Nova Guiné

O que fez colapsar o restaurante Medusa em Maiorca?