EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Inundações em França fazem primeira vítima mortal

Inundações em França fazem primeira vítima mortal
Direitos de autor 
De  Rodrigo Barbosa com AFP
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

As chuvas torrenciais e inundações em França fizeram a primeira vítima mortal: o corpo de uma mulher de 86 anos foi encontrado, num pavilhão coberto pelas águas, na localidade de Souppes-sur-Loing, a

PUBLICIDADE

As chuvas torrenciais e inundações em França fizeram a primeira vítima mortal: o corpo de uma mulher de 86 anos foi encontrado, num pavilhão coberto pelas águas, na localidade de Souppes-sur-Loing, a uma centena de quilómetros a sul de Paris.

O rio Loing ultrapassou ontem, a meio do dia, os níveis excepcionais registados nas cheias de 1910 e, durante a noite, as águas continuavam a subir.

Um residente explica que decidiu “partir” face à subida das águas, enquanto outra diz que a situação provoca “uma grande angústia”.

O cenário repete-se num grande número de regiões de França, onde as chuvadas têm isolado localidades e provocado danos importantes. Em vários departamentos do país, os níveis de vigilância foram elevados para laranja e vermelho, o mais elevado.

A região de Loiret recebeu, em três dias, a precipitação equivalente a um mês e meio e o castelo de Chambord, que atrai um grande número de turistas, teve de fechar ao público depois de ser cercado pelas águas.

Na capital, Paris, a situação não é tão crítica, mas o nível do Sena também não pára de subir e os peritos estimam que, no fim-de-semana, o rio atinja um pico de 5,7 metros.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Europa central debaixo de água

Paris 2024: previsões do quadro de medalhas, factos, programa do dia de abertura e quais os recordes que poderão ser batidos

"Muro da Trégua" na Aldeia Olímpica apela à paz no mundo