A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Caça aos professores na Turquia

Caça aos professores na Turquia
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades turcas obrigaram 21 mil professores do ensino privado a deixarem de exercer a profissão, caçando-lhes o seu “diploma”.

Quinze mil professores do ensino estatal, também na mira do governo, foram despedidos.

Foi ainda pedida a demissão de 1500 reitores de universidades.