Última hora

Itália lança campanha contundente para alertar migrantes

Itália lança campanha contundente para alertar migrantes
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Alertar os migrantes ilegais para os grandes riscos a que se expõem quando se lançam na aventura de chegar à Europa, é o objetivo da campanha de comunicação “Aware migrants” apresentada, quinta-feira, pelo governo italiano.

A campanha recorre ao testemunho de migrantes que foram escravizados, espancados, que foram vítimas de ataques sexuais.

“Aware migrants” vai usar a internet para publicar os vídeos. Os testemunhos também serão difundidos em estações de rádio e televisão do Corno de África.

“Principalmente na rota do Mediterrâneo central, encontramos casos de pessoas que não fogem da guerra ou de perseguições. São pessoas que procuram a liberdade, a democracia, o bem-estar; estão à procura de um mundo melhor, perseguem um sonho e acabam por conhecer um pesadelo,” esclareceu o ministro italiano do Interior, Angelino Alfano, na conferência de imprensa em Roma.

A Organização Internacional para as Migrações (OIM) estima que em 2016, até 19 de junho, 214.691 migrantes e refugiados entraram na Europa pelo mar, através de Itália, Grécia, Chipre e Espanha. No mesmo período registou-se a morte de 2861 migrantes, enquanto nos primeiros seis meses de 2015 foram registados 1838 mortes.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.