EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

"Exit" à cabeça do UKIP: Diane Jane demite-se por falta de apoio da formação

"Exit" à cabeça do UKIP: Diane Jane demite-se por falta de apoio da formação
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A vitória do “Brexit” não dá asas ao partido eurocético britânico UKIP.

PUBLICIDADE

A vitória do “Brexit” não dá asas ao partido eurocético britânico UKIP.

A nova líder do partido não resistiu a 18 dias no cargo, com o objetivo de tornar o UKIP na principal formação da oposição, tendo apresentado a sua demissão na terça-feira.

Diane James alega “motivos pessoais e profissionais”, para justificar a decisão.

James de 56 anos acusa também o partido de não lhe ter dado autoridade nem apoio suficiente para conduzir as reformas previstas no seu programa.

Thank you to all @UKIP supporters who attended my #MeetDiane meetings across the country over the summer. pic.twitter.com/EQf9rUXgKA

— Diane James (@DianeJamesMEP) October 4, 2016

O UKIP vai convocar uma reunião nos próximos dias para nomear um sucessor.

Alguns analistas apontam o porta-voz para a imigração do UKIP, Steven Woolfe, como um possível sucessor.

O político próximo do fundador Nigel Ferrage tinha visto a sua candidatura recusada durante as eleições internas, por não respeitar o prazo para apresentar o seu programa.

O anterior presidente e fundador da formação, Nigel Farage, anunciou já que não pretende regressar à liderança do partido, “nem por 10 milhões de dólares”, num momento em que poderá assumir a liderança interina.

Farage tinha abandonado o cargo, após a vitória do “Brexit” no referendo à permanência do Reino Unido na União Europeia no dia 23 de Junho.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

UKIP fica sem líder partidária ao fim de 18 dias

Nigel Farage ultrapassou pela primeira vez partido do primeiro-ministro Rishi Sunak

Afinal, Nigel Farage vai concorrer às eleições no Reino Unido