Tyson Fury abdica de cinturões de campeão do mundo

Tyson Fury abdica de cinturões de campeão do mundo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O campeão do mundo de pesos pesados, Tyson Fury, abdicou do título para se concentrar no tratamento de uma depressão

PUBLICIDADE

Tyson Fury colocou um ponto final ao reinado de onze meses como campeão do mundo de pesos pesados. O inglês abdicou dos cinturões da Organização Mundial de Boxe (WBO) e da Associação Mundial de Boxe (WBA) que tinha ganho frente a Wladimir Klitschko para se concentrar no tratamento médico e recuperação de uma depressão que o tem mantido afastado do pugilismo.

Um problema que já tinha provocado o cancelamento de um novo combate frente ao ucraniano, que não sofria uma derrota há onze anos e irá assim continuar à espera da desforra.

Fury, que conta com um registo perfeito de 25 vitórias em 25 combates como profissional, 18 por knockout, promete regressar ao boxe mas a tarefa não será fácil.

O pugilista viu a sua licença suspensa pela Federação Britânica de Pugilismo devido a um controlo antidoping positivo. Fury já tinha admitido há semanas ter consumido cocaína, precisamente devido à depressão, após se ter sagrado campeão do mundo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Chelsea contrata Mauricio Pochettino para treinador

Tour2023: Vingegaard reforça liderança a quatro dias do pódio de Paris

Boris Becker saiu da prisão e será deportado